terça-feira, 19 de julho de 2011

 
Quando seus passos cansarem
te estenderei a mão,
pois nossa trilha é a mesma.
Quando seus olhos falharem
eu te aponto o caminho,
pois sua luz me guia.
Se o tempo mudar os teus traços
continuarei te amando,
pois te reconheço pela alma.


1 comentários:

' disse...

Nada melhor que seguir em frente a dois.